• Rita Ericson
    Médica Veterinária
    Mestre em Comportamento Animal
    ritaericson@bichosaudavel.com

  • Tratamento Comportamental

    Quando nosso animal de estimação late demais, faz xixi no sofá, destrói os móveis, se lambe ou se morde sem parar e isso nos incomoda, imagine o sofrimento dele! Saiba que ele não está se comportando assim para se divertir ou nos chatear: ele está precisando de ajuda. O caminho é descobrir o que está acontecendo, se há algum problema físico, fechar o diagnóstico e iniciar o tratamento. A terapia comportamental envolve a compreensão do comportamento natural do animal, a modificação de algumas atitudes das pessoas da casa para estabelecer a harmonia entre todos. A comunicação é a chave do tratamento. Em alguns caso pode ser necessário o uso de medicamentos controlados, sobretudo os ansiolíticos para alcançar o objetivo do tratamento.

Fazer ou Não Fazer, Eis a Questão!

duvidaCASTRAR OU NÃO CASTRAR, EIS A QUESTÃO!

Pretende reproduzir seu animal?

Tem certeza? Será que existe uma parceira disponível? Vai vender todos? Dar? Pra quem? A castração precoce é a melhor forma de evitar a reprodução e abandonos futuros. Previne problemas prostáticos, tumores de mama, infecções uterinas e ainda funciona como modulador comportamental.

Converse com seu veterinário.

Anúncios

Usar ou Não Usar Guia, Eis a Questão!

A imagem é linda, harmonica, o dono e seu cão, felizes, passeando em total liberdade!
QUE PERIGO!!!!!
Por mais adestrado, educado e obediente que o cachorro seja, não podemos garantir que ele não responderá a um forte estimulo.
Imagine um rato, um gato, um pombo ou uma femea no cio do outro lado da rua…pode ser fatal.

Neste momento o animal segue seus instintos e as vezes nem escuta seu dono, quanto menos o obedece.

O medo também pode gerar comportamentos estranhos como Continue lendo

Ter ou Não Ter (um animal), Eis a Questão!

Esta é a decisão mais difícil. E não pode ser tomada por impulso. Por isso sou contra a venda de animais em vitrines e só de pensar em caixotes na rua…socorro, nem pensar!

Não se decide ter um animal de estimação enquanto se faz compras, deve-se pensar muito bem, consultar todos os integrantes da família e chegar a uma decisão conjunta.

Muito antes de pensar na espécie e raça, deve-se Continue lendo